A escrita de redação como carga horária EAD

5 minutos para ler

Se você está ansioso diante da revolução que a Covid-19 desencadeou no mundo e na Educação, em especial, tenha calma: você não está sozinho! Milhares de instituições de ensino se perguntam, neste momento, como farão para cumprir, EAD ou presencialmente, com a missão de oferecer, conforme dispõe a LDB, o mínimo de 800 horas de atividades letivas em 200 dias (a princípio), fazendo dessas horas momentos de efetiva aprendizagem, nos moldes da nova BNCC. Afinal, a maior parte das escolas particulares já oferece uma carga horária bem maior do que 800 horas/ano.

Nos últimos dias, foram dados passos importantes por parte do MEC  e dos Conselhos Estaduais de Educação: enquanto o Governo Federal editou uma medida provisória permitindo que a carga horária seja distribuída de forma diferente que não os tradicionais e impositivos 200 dias letivos, os CNEs buscaram regulamentar a execução de atividades a distância, possibilitando a EAD também na educação básica, conforme já tratamos em artigo anterior. Essas medidas alteraram um cenário já caótico, fazendo com que a busca por ferramentas de trabalho virtuais, bem como por comunicação via web, aumentasse expressivamente, reinventando o “espaço escolar” e forçando uma abrupta adaptação por parte de redes, escolas e professores. Nesse contexto, a pergunta que se impôs imediatamente foi a seguinte: como garantir que atividades oferecidas pelas escolas durante a suspensão das aulas sejam, de fato, consideradas como horas letivas e, portanto, sejam descontadas das reposições que eventualmente ainda se devam realizar?

Entenda como validar dias letivos

Muitos especialistas vêm orientando as escolas sobre como proceder. O professor Paulo Tomazinho, por exemplo, disponibilizou um plano para garantir as atividades letivas e validar os dias letivos. Já a Priscila Boy Consultoria tem publicado orientações em seu canal no youtube, cujas dicas (sobretudo agora que o INEP publicou o Edital do Enem 2020, confirmando a previsão de provas para outubro deste ano) são um grande apoio para quem precisa manter a rotina letiva de uma unidade escolar.

A Redação e a carga horária EAD

A Plataforma Redigir, que já é uma aliada no dia-a-dia das escolas nas aulas presenciais, também pode ser uma alternativa viável neste momento. Somos uma plataforma adaptativa que oferece conteúdo de estudos para os alunos, tanto antes quanto depois da escrita, com textos de apoio, análises detalhadas de resultados e percursos de aprendizagem que contam com tópicos de gramática, listas de exercício e videoaulas. Assim, cada produção de texto, com sua respectiva preparação (estudo do material sobre o tema) e com seus percursos de aprendizagem, compreende cerca de 3 horas-aula de 50 minutos cada, para a primeira escrita, e cerca de 2 horas-aula de mesma duração, para a reescrita. 

ead covidPowered by Rock Convert

Após a realização da atividade, por meio do Ambiente Virtual de Resultados, o professor consegue verificar o engajamento dos alunos e identificar aqueles que fizeram e os que não fizeram o exercício, garantindo, assim, a comprovação necessária para a posterior validação da carga horária executada. Para escolas do Plano Essencial (que é aquele em que o próprio professor faz a correção dos textos em nosso sistema) ainda é possível computar as horas de efetivo trabalho do professor, para atender à legislação trabalhista. Nosso aplicativo também permite o acesso de pais e responsáveis ao ambiente de estudos do filho, e oferece total transparência para que as famílias acompanhem as atividades dos filhos e a indicação de tarefas e materiais por parte da escola.  


Conte com a Plataforma Redigir desde o 6º ano do Ensino Fundamental até a 3ª série do Ensino Médio (ou pré-vestibulares), e ofereça a possibilidade de a escrita de redação ser considerada carga horária válida para atividades EAD que forem executadas durante a suspensão das aulas presenciais. Neste momento de incertezas, compreendendo-se o fato de que não é possível realizar compromissos de longo prazo, a Plataforma dispõe de contratos sem nenhuma fidelidade, customizados de acordo com a necessidade atual do cliente. Em caso de dúvida, solicite o atendimento do nosso consultor! Cadastre-se aqui e entraremos em contato em até 48h.

Quer saber mais sobre Ensino a Distância? Confira também

Escrevemos também sobre a relação entre o O EAD, A BNCC E O DIREITO À EDUCAÇÃO NA ESCOLA DO SÉCULO XXI, não deixe de conferir!


E se em sua escola vocês estão buscando por uma solução de Ensino a Distância para Redação, não deixe de conferir a campanha filantrópica da Plataforma Redigir para atender gratuitamente a instituições e alunos impactados pela pandemia.

Posts relacionados

Deixe um comentário